Ponto de Saturação Consciencial Recinológico

Um Marcador de Ações Pró-Enfrentamento

  • Adriana Chalita

Resumo




O objetivo deste trabalho é discutir a hipótese de que o ponto de saturação consciencial recinológico pode ser considerado um dos marcadores para o posicionamento consciencial quanto ao autoenfrentamento das parapatologias pessoais. Traz em sua Metodologia de pesquisa a experiência clínica e de atuação em campos bioenergéticos, na condição de consciencioterapeuta, e da própria autoconsciencioterapia da autora e o estudo em textos técnicos da Conscienciologia. Discutem-se os dificultadores das reciclagens conscienciais, as consequências da postergação das mudanças pessoais e a consequência recicladora da obtenção da saturação do modus operandi obsoleto. São descritas técnicas consciencioterápicas auxiliadoras para a saturação positiva da condição patológica consciencial. Conclui-se que a conscin ao chegar ao ponto de saturação consciencial recinológico compreende a necessidade do autoenfrentamento e realiza, consequentemente, a autoassistência através das reciclagens conscienciais.


 




Publicado
2017-10-18
Como Citar
CHALITA, Adriana. Ponto de Saturação Consciencial Recinológico. Revista Conscientiotherapia, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 161-172, out. 2017. Disponível em: <http://conscientiotherapia.org.br/index.php?journal=revista&page=article&op=view&path%5B%5D=27>. Acesso em: 13 abr. 2024.